30 de abr de 2011

Vacinação contra Gripe

Vacina é prevenção!
~~~~~~~~~~~~~~~~~~
A Campanha de Vacinação contra a gripe será realizada do dia 25 de abril a 13 de maio em todo Brasil. Temos uma novidade para este ano: além dos idosos e indígenas, também serão imunizados gestantes, crianças entre 6 meses e menores de dois anos e profissionais de saúde. Proteção para quem mais precisa!


A 13ª Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe começa dia 25 de abril de 2011. Este ano o Ministério da Saúde amplia a oferta da vacina para trabalhadores de saúde, crianças na faixa etária de seis meses a menores de dois anos, gestantes, além dos idosos a partir dos 60 anos e povos indígenas. São cerca de 32.750.000 milhões de doses da vacina contra a gripe.
A campanha se encerra dia 13 de maio, tendo 30 de abril como o Dia de Mobilização Nacional.

18 de abr de 2011

19 de abril - O que (não) fazer no Dia do Índio

19 de abril
Dia do Índio
~~~~~~~~~~~~~
Já fiz algumas postagens sobre este assunto,
indiquei histórias para as crianças,
leitura para os professores,
e sugestões de atividades.
Hoje indico um texto que li
e gostei muito:

O que (não) fazer no Dia do Índio

Na data em homenagem aos primeiros habitantes do Brasil, uma série de estereótipos e preconceitos costuma invadir a sala de aula. 

O Dia do Índio é comemorado em 19 de abril no Brasil para lembrar a data histórica de 1940, quando se deu o Primeiro Congresso Indigenista Interamericano. O evento quase fracassou nos dias de abertura, mas teve sucesso no dia 19, assim que as lideranças indígenas deixaram a desconfiança e o medo de lado e apareceram para discutir seus direitos, em um encontro marcante.

Por ocasião da data, é comum encontrar nas escolas comemorações com fantasias, crianças pintadas, música e atividades culturais. No entanto, especialistas questionam a maneira como algumas dessas práticas são conduzidas e afirmam que, além de reproduzir antigos preconceitos e estereótipos, não geram aprendizagem alguma. "O indígena trabalhado em sala de aula hoje é, muitas vezes, aquele indígena de 1500 e parece que ele só se mantém índio se permanecer daquele modo. É preciso mostrar que o índio é contemporâneo e tem os mesmos direitos que muitos de nós, 'brancos'", diz a coordenadora de Educação Indígena no Acre, Maria do Socorro de Oliveira.
Saiba o que fazer e o que não fazer no Dia do Índio:

1. Não use o Dia do Índio para mitificar a figura do indígena, com atividades que incluam vestir as crianças com cocares ou pintá-las.
            Faça uma discussão sobre a cultura indígena usando fotos, vídeos, música e a vasta literatura de contos indígenas. "Ser índio não é estar nu ou pintado, não é algo que se veste. A cultura indígena faz parte da essência da pessoa. Não se deixa de ser índio por viver na sociedade contemporânea", explica a antropóloga Majoí Gongora, do Instituto Socioambiental.

2. Não reproduza preconceitos em sala de aula, mostrando o indígena como um ser à parte da sociedade ocidental, que anda nu pela mata e vive da caça de animais selvagens
            Mostre aos alunos que os povos indígenas não vivem mais como em 1500. Hoje, muitos têm acesso à tecnologia, à universidade e a tudo o que a cidade proporciona. Nem por isso deixam de ser indígenas e de preservar a cultura e os costumes.

3. Não represente o índio com uma gravura de livro, ou um tupinambá do século 14
            Sempre recorra a exemplos reais e explique qual é a etnia, a língua falada, o local e os costumes. Explique que o Brasil tem cerca de 230 povos indígenas, que falam cerca de 180 línguas. Cada etnia tem sua identidade, rituais, modo de vestir e de se organizar. Não se prenda a uma etnia. Fale, por exemplo, dos Ashinkas, que têm ligação com o império Inca; dos povos não-contatados e dos Pankararu, que vivem na Zona Sul de São Paulo.

4. Não faça do 19 de abril o único dia do índio na escola
            A Lei 11.645/08 inclui a cultura indígena no currículo escolar brasileiro. Por que não incluir no planejamento de História, de Língua Portuguesa e de Geografia discussões e atividades sobre a cultura indígena, ao longo do ano todo? Procure material de referência e elabore aulas que proponham uma discussão sobre cultura indígena ou sobre elementos que a emprestou à nossa vida, seja na língua, na alimentação, na arte ou na medicina.

5. Não tente reproduzir as casas e aldeias de maneira simplificada, com maquetes de ocas
            "Oca" é uma palavra tupi, que não se aplica a outros povos. O formato de cada habitação varia de acordo com a etnia e diz respeito ao seu modo de organização social. Prefira mostrar fotos ou vídeos.

6. Não utilize a figura do índio só para discussões sobre como o homem branco influencia suas vidas
            Debata sobre o que podemos aprender com esses povos. Em relação à sustentabilidade, por exemplo, como poderíamos aprender a nos sentir parte da terra e a cuidar melhor dela, tal como fazem e valorizam as sociedades indígenas?

Para pesquisar:
http://pib.socioambiental.org/pt (Povos Indígenas do Brasil)

http://pibmirim.socioambiental.org/ (Povos Indígenas do Brasil Mirim) – site voltado para crianças com muitas informações, jogos, etc.

Obs.: Este texto não é de minha autoria, o site onde estava hospedado não existe mais (2019).

As sugestões do Baú de Ideias

♥♥♥
Organizado por Ivanise Meyer®

17 de abr de 2011

Dia do Livro

Dia Nacional do Livro Infanto-Juvenil
18 de abril
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
Neste dia tão especial para nós que amamos a literatura,
indico este livro da Editora Paulinas:

Contos de Hans Christian Andersen (Traduzidos do dinamarquês)


As histórias e os contos escritos por Andersen refletem em sua maioria os contrastes sociais da época. Ao confrontar os padrões de comportamento dos poderosos e dos desprotegidos, Andersen defendeu seu ideal de igualdade entre os homens. Curiosamente, a infância pobre do grande escritor foi matéria-prima para suas histórias. Um paradoxo, pois essas histórias que lhe renderam fama entre os aristocratas, retrataram justamente os contrastes da sociedade dinamarquesa entre o forte e o fraco. Outra parte do encanto que há nos contos de Andersen está na sua capacidade de falar dos sentimentos e emoções em linguagem simples, sem afetações, muito próxima da linguagem coloquial de sua época.

♥♥♥
Sugestões de autores e livros clique no
Para acessar as dicas do Baú de Ideias
 clique aqui.

Organizado por Ivanise Meyer®

13 de abr de 2011

Páscoa

Páscoa
~~~~~~~~~~
Visite as sugestões dos Baús






Riscos e Moldes

Organizado por Ivanise Meyer®


8 de abr de 2011

A Educação Carioca está em luto...

Aos visitantes dos Baús
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
Aconteceu hoje (7/4/2011), pela manhã, um crime nunca imaginado aqui no Brasil.
Um homem insano entrou em uma escola da prefeitura e atirou
em crianças inocentes
 na Escola Municipal Tasso da Silveira (Realengo).
Só parou quando foi alvejado por um policial; logo em seguida cometeu o suicidio.
Quando ouvíamos notícias como essas vindas dos Estados Unidos,
nos entristecemos, ficamos assustados, mas era em outro país.
Mas hoje aconteceu aqui, bem perto de nós...

Oremos pelos atingidos,
crianças que morreram sem saber o porquê,
inocentes que perderam suas vidas.
Ficará marcado para sempre em nossos corações,
a dor de cada uma dessas famílias,
a dor de cada criança que perdeu sua vida,
vida que mal havia começado...

Deus,
dá conforto aos corações dessas famílias
neste momento tão difícil.
Deus,
receba estas crianças no teu reino,
pois elas perderam suas vidas
inocentemente.
Deus,
dá serenidade aos que confortarão estas famílias,
pois elas precisarão de todo nosso apoio
neste momento de dor.
Deus,
que esssa maldade não feche nossos corações
para o amor, a fraternidade,
a solidariedade e a fé.
Amém.

Ivanise Meyer
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...