9 de jun de 2015

Feira de Ciências - Dicas sobre Organização

 
Feira de Ciências
Texto de Ivanise Meyer
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
As ciências que fazem parte dessa disciplina são as "ciências naturais": Biologia, Química e Física são as principais, mas outras podem se unir à lista, como a Astronomia, a Geologia, a Paleontologia e etc.
 
A Feira de Ciências costuma ser um evento da escola. Mas, poderá também ser um evento organizado pelo professor da turma, dividindo em grupos de trabalho, apresentando aos pais e para as outras turmas.
Em algumas escolas, faz-se a opção de juntar a feira de ciências com uma "feira cultural", ampliando demais a abrangência dos temas.
 
Você poderá se organizar apenas para o evento, ou então, organizar um projeto que tenha como culminância a apresentação na feira de ciências.
 
Evento: Feira de Ciências
Caso se organize apenas para o evento, faça-o com antecedência. Você deve escolher o tema, propor as etapas de confecção da apresentação, escolher o grupo que apresentará os resultados da pesquisa realizada e confeccionar o material necessário com as crianças.
Lembre-se que a feira de ciências não é um evento dos pais, ou seja, algo que seja confeccionado pelos pais, para apresentar a outros pais.
A feira de ciências deve ser uma atividade para ser vivida pelos ALUNOS, portanto, eles devem participar de todas as etapas. Assim a feira terá significado para as crianças.

 
Projeto: Feira de Ciências
Caso você organize um projeto, ou a turma escolha um projeto, faça-o com bastante antecedência. O professor será o organizador, o mediador da turma com os conteúdos necessários. Porém, é preciso envolver as crianças que, em geral, gostam de participar e produzir os materiais.
A turma toda vai se apresentar em pequenos grupos? Será apenas um grupo a se apresentar?
Os materiais produzidos pelas crianças devem ser valorizados por eles mesmos, pelo professor e pelos visitantes da feira.
É muito triste ir visitar uma feira onde vemos trabalhos que os "pais e mães" fizeram, ou mesmo, "pagaram" alguém para fazer.
Por isso, planeje atividades que possam ser realizadas por seus alunos!
Se as crianças são muito pequenas, teremos que organizar suas produções, porém sempre dando destaque aos trabalhos, às falas e as experiências que vivenciaram durante o projeto.
 
 
Quais temas poderemos escolher?
É possível definir uma infinidade de temas, a partir de uma lista de conteúdos:
Astronomia: astros, Sistema Solar
Planeta Terra: água, ar, rocha (terra), fogo.
Seres vivos: seres microscópicos, fungos, animais e plantas
Fósseis: dinossauros, seres pré-históricos
Corpo Humano: sistemas, saúde, alimentação, drogas (lícitas e ilícitas), prevenção de doenças
Química: fenômenos químicos (reações químicas)
Física: fenômenos físicos (energia, luz, som, calor, eletricidade, magnetismo, movimento)
Ecologia: cadeia alimentar, teia alimentar, relações ecológicas
Ecossistemas: florestas, pantanal, caatinga, manguezais, etc 
Problemas ambientais: poluição, aquecimento global, chuva ácida, etc
 
 
 
O que queremos descobrir?
Este será o tema que orientará as pesquisas.
Comecem com uma "pergunta" sobre um assunto. A pergunta servirá para não perder o objetivo das pesquisas. Novas perguntas poderão surgir, escolha sempre aquelas que ajudarem a responder a pergunta principal.
 
 
 
Como iremos descobrir?
Será necessário pesquisar: realizar experiências, questionários, enquetes, entrevistas, buscar informações em livros, revistas ou internet.
Sempre realize as experiências ANTES de levá-las para a sala de aula, assim você poderá selecionar os materiais e procedimentos.
Lembre-se: em primeiro lugar está a SEGURANÇA da criança. As experiências deverão ser compatíveis com a faixa etária das crianças. A responsabilidade é sua, pois você é o adulto que está organizando as atividades.
É PROIBIDO realizar experiências que envolvam utilização de fogo (fósforo, vela, lamparina, gás, isqueiro, etc) com crianças e adolescentes, como também a utilização de qualquer material que possa causar queimadura ou explosão.
 
  
Como apresentar as pesquisas?
Organizar as informações: cartazes, experiências (que comprovem o que foi pesquisado), maquetes, gráficos, tabelas, folheto (ou qualquer forma de material por escrito que informe sobre o trabalho).
 
 
Quem vai apresentar?
É importante que todos saibam sobre o trabalho, assim poderá existir um rodízio entre os "apresentadores", não sobrecarregando poucos alunos.
Importante ensaiar a apresentação para a própria turma. Não utilizar texto muito longo, pois fica cansativo. A fala deve ser objetiva. É uma apresentação, há muita gente falando ao mesmo tempo, o que prejudica uma apresentação muito extensa.
No final da apresentação, pode-se distribuir um folheto (folder) com mais informações sobre o trabalho, ou um brinde que seja relacionado com o tema.
 
 
O que acontece no final da feira?
É hora de arrumar tudo!
 
 
O que acontece na aula posterior à feira?
Na aula seguinte, faça uma roda de conversa sobre a feira: opiniões, pontos positivos e negativos, o podem fazer para melhorar, o que não devem fazer em um próximo evento.
Não se esqueça de produzir uma pequena lembrança agradecendo a cada aluno pela participação (poderá ser um cartão, um adesivo para o caderno, um broche, uma medalha, etc).
Mais do que receber uma "nota", a criança levará com essa experiência uma série de conhecimentos para sua vida: organização, participação, empenho, solidariedade, tolerância e responsabilidade.
 
Sugestões de sites:
 
 
Organizado por Ivanise Meyer®


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...